Chá com Livros e os programas para crianças na TV e nas mídias digitais


A revista online Chá com Livros deste sábado, 03/10, trará um debate sobre conteúdos de qualidade voltados ao público infantil na TV e nas mídias digitais. Thais Linhares, escritora, ilustradora e quadrinista, e Flavio de Souza, dramaturgo, escritor, ator e roteirista vão conversar sobre o tema com Ana David e revelar como pensam formatos inovadores que possam unir educação e entretenimento.


Flavio de Souza, dramaturgo, escritor, ator e roteirista

Desde que foi ao ar o primeiro episódio do programa Castelo Rá-Tim-Bum, da TV Cultura, dia 09 de maio de 1994, a qualidade dos programas dirigidos ao público infantil preocupa dramaturgos, escritores, roteiristas, atores, cenógrafos, figurinistas, produtores, diretores e cineastas. Novos formatos são testados, mas o desafio é garantir conteúdos adequados a esse público, que associem diversão e aprendizado.

Flavio de Souza tem cursos de comunicação e artes plásticas e uma trajetória em teatro nos anos 1970 com o grupo experimental Pod Minoga. Está por trás das principais produções infantis da TV Cultura. Participou com criação e roteiro do clássico Rá-Tim-Bum, dirigido por Fernando Meirelles; criou e roteirizou a série Mundo da Lua, exibida de 1991 a 1992, e, juntamente com o cineasta Cao Hamburguer, criou o programa Castelo Rá-Tim-Bum, exibido de 1994 a 1997.


Thais Linhares, escritora, ilustradora e quadrinista

No Castelo, atuou também como roteirista e como o personagem Tíbio da dupla de gêmeos cientistas Tíbio e Perônio, que inovou ao falar de ciência com humor e linguagem acessível para as crianças. Em mídia digital, tem o canal Flavio de Souza – Escritor no youtube, para divulgar seus livros e narrar histórias com participação de atores e figurinistas.

Thais Linhares é formada pela Escola Nacional de Belas Artes /UFRJ. Mestre em Mídias e Conteúdos Digitais pela Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro com o projeto HQuebradas, publicou HQs para jovens na Heavy Metal Brasil, Grimoire e Panacea.


Em 2002, recebeu o “Altamente Recomendável” da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil pela obra Deuses e Monstros, com texto de Lia Neiva. Com Bruno Pacheco, em Histórias para ver por outro lado, foi indicada ao Prêmio Jabuti de Ilustração/2006.


Na estreia como escritora em literatura infantil e juvenil, em 2008, o livro Vovó Dragão foi escolhido para compor o PNBE-Programa Nacional Biblioteca da Escola. Entre 2007 e 2008, lançou O Livro do Cavaleiro e O Monge e o Macaco, como autora dos textos, ilustrações e projetos gráficos. Por seu trabalho de ilustração com a escritora Andrea Taubman, em "Não me toca seu boboca", recebeu, em 2018, o Premio Neide Castanha de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.


Chá com Livros | revista online | Dia 03/10/2020 - sábado | 17h Transmissão ao vivo : Facebook e YouTube do Instituto Mpumalanga.
  • YouTube
  • Facebook
  • Instagram
© 2020 Instituto Mpumalanga. Todos os direitos reservados.