top of page

Caravana das Artes e do Esporte, em sintonia com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

Atualizado: 4 de ago. de 2023





Foto/divulgação: Oneide Bastos e Lucas Mazzo



Etapa dos projetos em Macapá terá participação voluntária da cantora amapaense

Oneide Bastos e do atleta olímpico Lucas Mazzo



São Paulo (03/08//2023) – Com atividades gratuitas voltadas aos estudantes e professores da rede municipal de ensino e aos profissionais do esporte e da saúde da gestão municipal de Macapá, a Caravana do Esporte e a Caravana das Artes estarão de 8 a 10 de agosto na capital do Amapá. Realizadas pelo Instituto Esporte & Educação e pelo Instituto Mpumalanga, as CARAVANAS vão promover três dias de jogos esportivos e oficinas de som e movimento para crianças, além de grupos de estudo e vivências sobre inclusão de crianças atípicas em sala de aula e cursos de formação em esporte e em arte educacionais para os professores das escolas municipais. A sede campestre do Domestilar foi o local escolhido para montagem da Arena Caravana.


As CARAVANAS chegam a Macapá-AP com patrocínio das empresas Ipiranga e Vale e apoio da Prefeitura Municipal. Levam um time de especialistas em educação, esporte e arte e terão a participação voluntária de artistas e atletas convidados. São esperadas 1.800 crianças do ensino fundamental durante os três dias, nas estações esportivas e nas tendas de artes. Todas as atividades são gratuitas para os participantes e sem custos para o município.


Artistas e atletas convidados pelos projetos participam voluntariamente das atividades promovidas pelas CARAVANAS e compartilham suas experiências, como forma de valorizar a arte e o esporte na educação.


Convidada da Caravana das Artes, a cantora amapaense Oneide Bastos, importante voz da música e da cultura da região amazônica, conhecerá as atividades de arte educacional e participará de um pocket show para os estudantes e educadores locais, na tenda dos projetos na quarta (9), às 16h. Juntamente com o filho e músico, Paulo Bastos, Oneide trará o ritmo do marabaixo para os estudantes nas tendas dos projetos e vai cantar com elas durante as atividades. Do mundo do esporte, o atleta olímpico Lucas Mazzo, da marcha atlética, virá de Brasília especialmente para brincar com as crianças na Caravana do Esporte, na terça (8) e na quarta (9), e compartilhar sua experiência, superações e a importância que a prática esportiva tem em sua vida, desde pequeno. Lucas representou o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio.


Formação de professores - conceito e prática para levar movimento à sala de aula:


Enquanto as crianças brincam no espaço pedagógico das Caravanas, professores da rede de ensino, profissionais das áreas do esporte e da saúde e gestores públicos participam de dois cursos de formação continuada: Pedagogia do Esporte Educacional e Metodologia Viva com Arte. São metodologias ativas desenvolvidas pelos Institutos, em conexão com a BNCC-Base Nacional Comum Curricular. Os cursos presenciais são realizados durante os três dias de Caravana e os professores inscritos poderão dar continuidade a essas capacitações com carga horária adicional em formato EAD, pela plataforma dos Institutos.


Uma vivência sobre Esporte e Arte para Inclusão Escolar de Crianças Atípicas também atenderá professores, gestores e pais de alunos do ensino fundamental de Macapá diagnosticados com TEA-Transtorno do Espectro Autista. Essas oficinas vão acontecer na terça-feira (8), a partir das 14h, e na quarta-feira (9) e quinta-feira (10), a partir das 08h, na Tenda das Artes.

As ações das CARAVANAS têm foco na educação e na inclusão por meio da arte e do esporte e estão em sintonia com as metas dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para educação de qualidade (ODS 4), igualdade de gênero (ODS 5), erradicação da pobreza (ODS 1), promoção de cidades e comunidades sustentáveis (ODS 11), educação para o consumo sustentável (ODS 12) e promoção da inclusão para o desenvolvimento sustentável, buscando práticas e capacitação de professores para que crianças e jovens neurodivergentes tenham aprendizagem garantida no ambiente escolar (ODS 16).

O objetivo das Caravanas é levar gratuitamente a municípios do interior do Brasil metodologias que visam qualificar a prática esportiva nas escolas públicas e garantir o acesso das crianças a diferentes linguagens artísticas em sala de aula, por meio da formação de professores, do fortalecimento das culturas locais, da inclusão de crianças atípicas, da valorização da cultura afro-brasileira e indígena e do fomento a práticas de conservação ambiental.

Nas oito estações de esportes e nas três tendas de artes, as CARAVANAS promovem a participação igualitária e inclusiva de meninos e meninas em todas as práticas artísticas, jogos e brincadeiras. Outro ponto importante na ação com as crianças na Arena Caravana é o cuidado com o meio ambiente. Na fase de articulação com as Secretarias de Educação, os projetos orientam para a não distribuição de garrafinhas de água em embalagem pet de uso único na Arena e que solicitem aos estudantes levarem recipientes próprios para abastecer em bebedouros no local, durante as atividades.


A Caravana das Artes e a Caravana do Esporte adotam práticas sustentáveis, com uma política de redução da geração de resíduos plásticos. Foi abolida a distribuição interna de garrafinhas plásticas de água para colaboradores e visitantes convidados, com recomendação de uso de squeezes e implantação de bebedouros para que os participantes abasteçam seus recipientes próprios com água. Em caso de necessidade, são utilizados copos de papel. Os resíduos recicláveis e os compostáveis, produzidos em menor quantidade durante as ações das CARAVANAS, são separados adequadamente com apoio das equipes dos projetos e destinados para compostagem e para cooperativas locais de reciclagem.

Alexandre Arena, coordenador pedagógico do Instituto Esporte & Educação, explica o legado que as Caravanas deixam nos municípios atendidos. “O encantamento e a capacidade de transformar que as Caravanas promovem em três dias estão no método. Os professores da rede de ensino que participam das formações presenciais trabalham conceitos e têm vivências práticas das metodologias, com materiais pedagógicos desenvolvidos pelos Institutos”.

No curso de formação da Caravana do Esporte são apresentados os princípios do esporte educacional, como inclusão, construção coletiva, diversidade, autonomia, educação integral e como colocá-los em prática utilizando atividades e jogos. As atividades programadas para a formação da Caravana das Artes têm como fio condutor o trabalho com as linguagens artísticas para a educação escolar, estimulando a prática do sensível e da aprendizagem integral a partir dos sons e do movimento. Os materiais pedagógicos, instrumentos musicais e adereços desenvolvidos pelos especialistas do projeto fortalecem a arte na perspectiva educacional.


Convidados que apoiam a bandeira pela arte e pelo esporte na Educação:

Em Macapá, a Caravana do Esporte receberá a visita do atleta olímpico da marcha atlética Lucas Mazzo, que vai brincar com as crianças nas estações esportivas para mostrar como é a modalidade esportiva que já rendeu medalhas ao país. Lucas nasceu no Pará e despontou no cenário esportivo nacional aos 18 anos, em competições Sub-23 de marcha atlética. Com visão monocular, Lucas Mazzo representou o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio. Hoje, aos 28 anos, o atleta treina em Brasília com o técnico João Evangelista de Sena Bonfim.

A cantora amapaense Oneide Bastos, o músico e pesquisador do marabaixo, Paulo Bastos, e a cantora Patrícia Bastos são os artistas convidados pela Caravana das Artes e vão visitar as crianças na Arena Caravana para cantar e falar sobre as tradições musicais do Amapá, especialmente o Marabaixo, manifestação cultural de raiz afro-brasileira tombada como patrimônio imaterial pelo IPHAN, em 2018. Matriarca da família Bastos, Oneide canta desde criança e representa a cultura e a música do Norte do país. Paulo Bastos, irmão de Patrícia, é percussionista, pesquisador e compositor, autoridade nos cortes do marabaixo. Patricia Bastos, cantora e compositora, foi primeira amapaense a cantar no Rock in Rio, em 2022, e conhecerá a formação Metodologia Viva com Arte.


A Arena Caravana será aberta dia 08/08, às 07h30, com a chegada do primeiro grupo de crianças inscritas pela Secretaria municipal de Educação. Às 09h, uma solenidade na tenda das Artes marcará a abertura oficial dos projetos na cidade, com presença de representantes da gestão municipal, dos Institutos que realizam os projetos e de patrocinadores. Está prevista uma apresentação musical de Marabaixo para saudar as Caravanas.


Adriana Saldanha, diretora geral da Caravana das Artes e da Caravana do Esporte, destaca que “as Caravanas reforçam os laços de cooperação voltados para uma educação inclusiva com arte e esporte para todas as crianças e jovens, pois as metodologias desenvolvidas pelos institutos permitem a experimentação, o convívio com as diferenças e um olhar educacional para a ética e o cuidado com o outro”. O Instituto Mpumalanga e o Instituto Esporte & Educação são organizações da sociedade civil sem fins lucrativos, que buscam contribuir com políticas públicas para acesso de toda criança ao esporte e à arte nas escolas.


Sobre as Caravanas -

A Caravana do Esporte e a Caravana das Artes são projetos de educação realizados pelo Instituto Esporte & Educação e pelo Instituto Mpumalanga, em parceria com o UNICEF. Os projetos viajam o Brasil desde 2005, aplicando e transferindo tecnologias sociais e educacionais inclusivas a partir das metodologias ativas Pedagogia do Esporte Educacional e Metodologia Viva com Arte, conectadas com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável-ODS/ONU. As Caravanas promovem atendimento direto de quase 2 mil crianças da rede pública de ensino, durante três dias, em estações esportivas e tendas de música, dança, artes cênicas e construção de adereços e de instrumentos sonoros, na arena especialmente erguida pelos projetos em espaço cedido pelo município.

Os projetos têm patrocínio de empresas privadas por meio de leis de incentivo ao esporte e à cultura e recebem apoio das prefeituras das cidades atendidas. A Caravana das Artes tem patrocínio das empresas IPIRANGA, VALE, EDP e OTIS, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cultura - Governo Federal. A Caravana do Esporte tem patrocínio das empresas MASTERCARD e VALE, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, Ministério do Esporte - Governo Federal.


Serviço:

Arena Caravana – Local - Sede Campestre Domestilar – Rodovia Juscelino Kubitschek, 5108- Bairro Universidade – KM 6- Amapá.


08, 09 e 10 | 08h às 17h – Atividades de esporte e arte para estudantes das escolas municipais, na Arena da Caravana do Esporte e da Caravana das Artes.

08/08 | 09h – Cerimônia de abertura da Caravana do Esporte e Caravana das Artes. –Local - Tenda das Artes.

08, 09 e 10 | 08h às 17h – Cursos de formação para profissionais das Secretarias Municipais da Educação e da Saúde: Pedagogia do Esporte Educacional e Metodologia Viva com Arte.


08/08 – 14h - Diálogos e vivências sobre autismo e inclusão | Tenda das Artes.

Público alvo: educadores, pais, especialistas e gestores. Com:

Gabrielly Oliveira Lima – Psicóloga e atendente terapêutica.

Denny Neves – Professor de dança e cultura popular do Instituto Mpumalanga

Alexandre Arena – Coordenador Pedagógico do Instituto Esporte & Educação.


09 e 10 – 08h às 11h - Diálogos e vivências sobre autismo e inclusão | Tenda das Artes.

Público alvo: educadores, pais, especialistas e gestores. Com:

Gabrielly Oliveira Lima – Psicóloga e atendente terapêutica.

Denny Neves – Professor de dança e cultura popular do Instituto Mpumalanga

Alexandre Arena – Coordenador Pedagógico do Instituto Esporte & Educação


09|08 – 16h – Pocket Show para as crianças na Arena da Caravana.

Participação da cantora Oneide Bastos e do músico Paulo Bastos

Local: Tenda das Artes.


10/08 | 16h30 – Encerramento das formações presenciais - Local: salas das formações.

17h - Encerramento das atividades de esporte e arte na Arena Caravana.


Texto - Angela Santos

Comentários


bottom of page